terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Será que alguma coisa mais importa?


Postei hoje usando as palavras de outra pessoa.
Isso não me satisfez, pois tenho muito a dizer.
Se ninguém for me escutar, ja não me importa.
Eu tenho o direito de ser quem sou.
E tenho consciência de quem sou e de meu caratér.
Há alguns dias eu que nossa dignidade é posta a prova.
Quando nossa palavra é questionada.
Quando nossa honestidade e respeito é questionada.
Estou vivendo um dia assim.

Já chorei, tentei me defender, tentei usar a verdade em meu favor.
Mas parece que de nada adianta.
Estou contra a parede por algo que não fiz.
Isso realmente me magoa.
Algumas doses de anti-depressivo, mas o sono não vem.
Algumas faixas do CD do John Frusciante.
Deito e olho o teto.
Lágrimas correm fácil.
Tão facil como é, para algumas pessoas, a calúnia.

Sinto gosto de sangue na boca.
Acredito que ficarei mais tranquilo se engolir do que se pintar a pia de vermelho.
O estomago doi demais.

Sentimentos se misturam nessa hora.
Se por um lado tenho a tristeza de ver como um amor pode ser envenenado,
Por outro, a certeza da inocencia me revolta por ter sido vitima de uma acusação absurda.
E em meio a isso, saber que mais uma vez estou sendo apunhalado não me faz bem.

A quantidade de incertezas é maior a cada minuto em que penso nisso.
A quantidade de certezas também.
Por exemplo, tenho a mais absoluta certeza de quem não tem coragem, mente pelas costas (essa é a verdadeira punhalada).
Estou certo também de quem você mais ama, também é capaz de lhe causar a maior dor.
E enquanto o blues toca, todos podemos ser iguais.
Mesmo não que acredite nisso.

Paz.
23.47 ainda chorando, ainda John Frusciante.

Untitled #11 (John Frusciante)


Sold a hole to a disaster
Nail the strong winds tied to a door
Know the crimes that stick in thru
Unfastened belts on your heart
And I've never been very smart
But I connect you with your shadow


23.15 - chorando muito e ouvindo John frusciante

sábado, 26 de dezembro de 2009




True Colors

Você, com seus olhos tristes,
Não fique desanimada
Oh, eu imagino
Que é difícil criar coragem.
Num mundo cheio de gente
Você pode perder a visão de tudo,
E a escuridão dentro de você
Pode fazê-la se sentir tão insignificante...

Mas eu posso ver suas cores verdadeiras
Brilhando sem parar.
Vejo suas cores verdadeiras
E é por isso que eu te amo.
Então, não tenha medo de deixar aparecer
As suas cores verdadeiras.
As cores verdadeiras são bonitas
Como um arco-íris

Então, dê um sorriso pra mim
Não fique triste, não me lembro
Quando foi a última vez que eu te vi sorrindo
Se este mundo te deixar louca
E você já não agüentar mais,
Ligue pra mim
Porque você sabe que estarei ao seu lado

Eu posso ver suas cores verdadeiras
Brilhando sem parar
Vejo suas cores verdadeiras
E é por isso que eu te amo
Então, não tenha medo de deixar aparecer
As suas cores verdadeiras.
As cores verdadeiras são bonitas
Como um arco-íris..


19.26 - Extremamente triste por algo que jamais faria mas sou culpado.

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

'Rabugencia matinal ao longo do dia.'


Postando com menor frequencia.
Constantemente preocopado.
A tentativa frustrada de quem escreve no ritimo de um haicai.
A inspiração pra escrever se torna ausente.
Estou lendo mais.
Errando mais.
Aprendendo mais,
Descobrindo mais.
E sentindo cada vez menos a necessidade de algo grandioso para mudar minha vida.
Minha vida está em mudança constante.
E entre eu escrever nesse post e ele ser publicado, terá mudado mais uma vez.
Me tornarei um ser diferente.
E isso não será surpresa para ninguém.

23.21 - Weezer (the blue album)

sábado, 12 de dezembro de 2009



Eu estou cansado de ser o que você quer que eu seja.
Sentindo tão infiel, perdido debaixo da superfície.
Eu não sei o que você está esperando de mim.
Pondo isto sob a pressão
De me colocar no seu lugar.
Preso na ressaca, simplesmente preso na ressaca
Cada passo que eu dou é outro erro para você.

Eu me tornei tão insensível
Que eu não posso sentir você aqui.
Me tornei tão cansado,
Muito mais ciente.
Eu estou me tornando isso,
Tudo que eu quero fazer
É ser mais como eu
E ser menos como você.

Você não consegue ver que está me oprimindo?
Me segurando, com medo de perder o controle.
Porque tudo o que você pensou que eu seria
Desmoronou bem na sua frente.
Cada passo que eu dou é outro erro para você.
E cada segundo perdido é mais do que eu posso suportar.

E eu sei:
Que eu posso acabar falhando também.
Mas eu sei:
Você era eu quando alguém te desapontava.


22.57 - Um inútil olhando o telefone...

domingo, 29 de novembro de 2009

O maior Idiota do Mundo


Um cara que tenta se esforçar e só se fode.
Nem peço perdão pela má palavra.
Hoje a palavra será má mesmo.
Herb o monge estará de volta.
Na minha estou e na minha ficarei pela eternidade.
Cumprirei minha promessa de silencio.
E farei a humanidade satisfeita em me jogar ao esquecimento.

Ps: Quem sai comigo sabe do que eu sinto por você e lhe quer bem... Espero que seja assim no seu caso também.

23.49 - meus antidepressivos numa dose pra dormir e não acordar.

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Um novo Herb

Um grande bocejo.
É hora de levantar.
Sim, estou tentando colocar as coisas de volta nos eixos.
Conversei com meu chefe.
Agora terei mais tempo para cuidar de minha saúde.
Provavelmente, não terei mais meu emprego por muito tempo.
Como diria minha mãe: Pega o chester e cai fora.
Estou estudando para conseguir um novo emprego.
Converso com mais frequencia com a minha namorada.
Isso me evita um bocado de estresse.
Consegui alguns CD's novos.
AMP, Eagles of Death Metal, Black Drawing Chalks.
Ainda não consegui consulta com um psiquiatra.
Mas acho que estou fazendo um grande progresso.

0.03 - Levando um John Mayer no violão.

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Por que eu não morro logo de uma vez?


Estou doente, e você é a unica pessoa que nao percebe.
Tenho duas opções de humor:
Ou eu tomo minha dose de anti-depressivos e não consigo falar como antigamente.
Ou não tomo e vomito sangue por panico da proxima viagem.
Se eu não tenho a alegria de antes, não é culpa minha.
E também (agora eu sei ), não é um problema seu.
Meus pensamentos não me ajudam a encontrar uma saída.
E de onde eu esperava apoio, recebo lanças.
O sol não brilha no meu dia.
E enquanto flores nascem no seu jardim.
Árvores mortas me dão sombra.
Anti-depressivos numa dose para apagar..
...

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Minha boca idiota


Minha boca idiota
Me colocou em apuros
Eu falei demais outra vez
Para uma garota no jantar ontem
E eu pude notar
Que ela se ofendeu

Ela disse: "bom, mudando de assunto..."
Morrendo de vontade de falar de outra coisa

Ah, outra fatalidade social
Mais um ponto para mim
Como eu pude esquecer?
Minha mãe dizia: "pense antes de falar"
Não há filtros na minha cabeça
Ah, o que é que um garoto pode fazer
Acho melhor encontrar um filtro logo

Ficamos mordendo os lábios
Ela ficou olhando pela janela
Enrolando rolinhas de guardanapo
Eu joguei um pouco de xadrez com o saleiro e o porta-pimenta
E pude perceber claramente
Que uma linha indelével foi desenhada
Entre o que estava legal e o que eu disse sem pensar e acabou estragando tudo

Ah, o que ela sentia por mim mudou
Obrigada pela tentativa, tente outra vez
Como eu pude esquecer?
Minha mãe dizia: "pense antes de falar"
Não há filtros na minha cabeça
Ah, o que é que um garoto pode fazer
Acho melhor encontrar um filtro logo

Eu nunca mais vou falar outra vez
Só me machuco
Prefiro ser um mistério
Do que vê-la me abandonar

Ah, eu nunca mais vou falar outra vez
Começando agora, começando agora

Mais uma coisa
Por que a culpa é minha?
Tá, talvez eu tente demais
Mas é por causa desse desejo
Eu quero ser querido
Eu quero ser engraçado
Mas parece que eu sou a piada
Pode me chamar Sr. Tiro pela Culatra

Eu nunca mais vou falar outra vez
Só me machuco
Prefiro ser um mistério
Do que vê-la me abandonar

Ah, eu nunca mais vou falar outra vez!
Eu nunca mais vou falar outra vez
Eu nunca mais vou falar outra vez
Começando agora, Começando agora

20:47 - John Mayer

Reaprender a andar..


E agora?
Sindrome do pânico, depressão...
Acordar de madrugada, vomitar sangue..
Voltar a dormir e ter pesadelos.
Pensamento positivo, resultado negativo.
Olhar no espelho com os olhos vendados.
Aprender a andar sem olhar para o chão..
"pensar incomoda como andar na chuva,
quando o vento aumenta e parece que chove mais."...

sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Por uma ultima poesia..


O brilho se foi.
A dor ficou...
A esperança se foi.
A frustração ficou....
O dia quente se foi.
A noite fria ficou....

A respiração doi.
É dificil pensar numa saída.
Eu choro e me pergunto:
Onde está você?
Quero dornir, preciso de um sonho.
Ja não mais me interessa acordar.
Não dessa forma.
Antes um beijo, agora comprimidos.
E assim sigo, em alta velocidade, com vendas nos olhos.
Para aonde?
Eu não sei.

01.08 - Nirvana - Heart Shapped Box

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Herb Bungle Silva


Sim ele está de volta.
Deêm as boas vindas ao senhor Fracasso.
Com toda a sua bagagem de desgostos.
Tristezas de todos dos tamanhos.
Tudo num conglomerado de podridão na forma humana.
Ou quase humana.
1,63 metros de frustrações e fracassos.
Sou o mal necessário para que sua vida seja bela.
Sou o adubo das flores de seu jardim

12.12 - Imogen Heap - Elipse (Dani, você tinha razão, é um CD incrível..).

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Retratos de um dia ruim.


O dia não está para sorrisos.
Não está para ânimo ou alegria.
Está cinza, frio, vazio.
Dia para aumentar o volume do Trip Hop, encher uma (varias) taças de vinho e esvaziá-las afundado no sofá.
Algumas duzias de lágrimas.
Alguns suspiros.
Nenhum carinho.
Nenhuma fé.
Num estado de coma social, o silencio é um bom terapeuta.
...Apagar...

12.34 de uma noite sem dormr. Constanza, Imogen Heap e coisas do tipo..

sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Desvanecer..



Não sei o que fazer.
Hoje recebi a promessa do silencio.
Não uma palavra de conforto.
Não mais ideias sobre o que fazer.
Tenho agora que tomar sozinho as decisões que afetam mais do que a mim.
Parei meus comprimidos na hora errada.
É uma questão de escolhas.
A flecha que lancei, agora está apontada para mim.
São os ciclos da vida se repetindo mais uma vez.
E mais uma vez estou perdido.

02.00 Pavement -Cut your hair (acho que essa vai pra mim nessa hora)

quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Me liga quando ler este post...


Pareco triste
Caminhando de cabeça baixa
Olhando para o chão
Como se quisesse orientar meus passos
Agora estão mais perdos que nunca
E enquanto lagrimas molham meus pés
A letra de uma velha canção me vem a cabeça
"..eu voaria com você..."

O dia hoje é mais frio do que se espera numa primavera.
Realmente, o clima esfriou muito.
Muitos cobertores não aquecem 36 graus do meu lado.
Quando a dança das estrelas não faz mais sentido,
Ou mesmo a Lua parece estar opaca,
Você tem a certeza de que está completamente perdido.

22.06 - radiohead - no surprises

Come Back to Bed




Still is the life
Of your room
When you're not inside
And all of your things
Tell the sweetest story line
Your tears on these sheets
And your footsteps are down the hall
Tell me what I did
I can't find where the moment went wrong at all

You can be mad in the morning
I'll take back what I said
Just don't leave me alone here
It's cold, baby
Come back to bed

What will this fix
You know you're not a quick forgive
And I won't sleep through this
I survive on the breath
You are finished with

You can be mad in the morning
I'll take back what I said
Just don't leave me alone here
It's cold baby
Come back to bed
Come on come back to bed

You can be mad in the morning
Or the afternoon instead
But don't leave me
98 and 6 degrees of separation
From you baby
Come back to bed

Don't hold your love over my head
Don't hold your love one more time around baby

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Mass Hypnosis Sessions



Essa são as letras da banda Mass Hpnosys Sessions

Creditos ao senhor Mario, que divide esse projeto comigo.

A big impact throw me down
From the floor i can see only the darken sky
What's going on? Why did I fell?
Why there isn't no one?
Somebody wants to kill me
driving me crazy with voices and ghosts
whispering in my ears
Jump! Jump! Jump!!!
My mind splits
The Real and the Supernatural
The fears became real
And the reallity seems to hide itself by fear
A strong light blinds me
And the wind blows hard to take my breath.
++++++++++++++++++++
a step without direction
The pain of to look and the tiredness
the mirror are there
between bones and shadows
your desire of peace fights agaisnt the headquarters of to live
the tired eyes found the rest
eternal rest
++++++++++++++++++++
An warm hand pull me up
It's like booting my skin
I see my on face but i'm still breathing
I'm going to Sirus
i'm floating in the blue sea Atmosphere
it´s cold and dry, but i have no fear
Beneath me i see all
That was green and rich
Blue and alive, and today is gray
The melancolie is replaced by the euphoria
I can't feel my body
I've lost the control of tthe direction that it takes
The Great Sirus shines and atracts me.


10.52 - Quinto Andar

domingo, 27 de setembro de 2009

E o Sol se põe mais uma vez.
O Por so Sol não é tão belo sem o brilho da Lua.
Estou a muitos quilometros de distância de qualquer sorriso.
E sinto que isso não vai mudar.
Algumas coisas são capazes de tirar o brilho dos olhos.
Eu conheço muitas.
Pensei ser forte, ser capaz de lutar contra tudo e contra todos.
Mas, mais uma vez, me mostrei fraco, humano.
Sou o retrato de Dorian Gray, sou Tyler Durden, sou o Lobo da Estepe, sou eu mesmo.
Sou aquilo que você deseja esconder.
Antidepressivos e Bob Dylan.
O fim de noite chega mais cedo nesse quarto de hotel.

19.27 - Bob Dylan - Blowin' in the Wind

terça-feira, 22 de setembro de 2009

Catarse


O esforço para se manter acordado é menor que o cansaço.
O que fazer quando as pernas não mais se movem e você sente o corpo afundar?
Respirar fundo e seguir em frente não me parece uma boa alternativa em meio aos escombros.
Escombros daquilo que um dia foi chamado de esperança.

Me encontro agora num estado catártico chamado de fundo do poço.
Não mais posso cair.
Mas ainda sou capaz de cavar.
Após a catarse, vem o paraíso.

23.04 - Baby Mammoth (todos deveriam ouvir pelo menos uma vez)

A gente somos inúti...

Preciso confessar uma coisa.
Na verdade é uma pergunta.
A confissão vem depois.
Lá vai:
Por que é ruim para alguém se sentir inútil?
Afinal de contas, dar tudo de si, é uma qualidade.
E sentir que não deu tudo de si, com certeza é um sentimento horrível.
Mas quem se sente inutil, já não o é, pois tem a auto-consciencia.
Um verdadeiro inutil, é tão inutil, que, nem para perceber que é inutil presta.
Se sentir inutil é o primeiro passo para o sucesso.
Isso se, depois de se sentir assim por um tempo, resolva levantar e resolver seus assuntos.
Por isso, aconselho a todos, que sintam-se inuteis.
Sintam-se inuteis. Levantem-se. Ajam. Tenham sucesso.
Do fundo do meu coração.

Com amor,
Herb

Agora eu confesso:
Me sinto muito inutil hoje.

00.58 - Ella Fitzgerald

sábado, 19 de setembro de 2009

Slow motion Pills


Vez por outra, a falta de inspiração é mais forte do que o desejo de escrever alguma coisa útil.
Vontades vem e vão num ritimo intenso, hipnotico, mas nada é capaz de asfixiar a letargia.
Me sinto preso numa caixa espaço/tempo..
Claustrofóbico e apressado.
60 batidas por minuto me mantem vivo enquanto olho o teto, deitado na cama.
Algumas lágrimas aquecem meu rosto.
Mordo os labios, respiro fundo.
Então, novamente, tudo faz sentido.
Uma outra dose para um sono tranquilo.
Para alguns é veneno.
Para mim é ópio.

22.06 - Amy Winehouse .. Dormir sem jantar.

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

A sun that never sets (Um Sol que nunca se põe)


Esse é o nome de uma música do Neurosis.
Também serve pra ilustrar algumas coisas que são permanentes.
Algo como os problemas que temos na vida, a emoção de um amor verdadeiro, uma crença, uma fé.
É bom pensar nessas coisas inteiras quando se está quebrado.
Como eu estou agora.
O mal em estar quebrado são os cacos.
Eles machucam as mãos de quem amo.
É uma pena, mas não machucam as mão de quem se atreve a tocar sem permissão.
"Tomar as providências"- Este é o axioma de quem não está no rumo certo.
Eu sou aquele cara que está num bote à beira das cataratas, cuja atitude é: "segurar o boné com uma mão, a borda do bote com a outra e dizer: agora vai..."
Preciso tomar as providencias e restabelecer a paz, a segurança e a confiança.
Deixar tudo tão claro quanto o Sol.
Um Sol que nunca se põe..

22.30 - Coligere

segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Qual será a proxima??


Sem dormir outra vez..(veja o horario da foto, e horario da postagem!)
Preocupado, e dessa vez tenho que assumir toda a culpa.
Toda não, mas grande parte.
A falsidade me preocupa também e a culpa não cabe a mim.
Fazer a coisa certa não é facil, mas ajuda a dormir melhor.
Preciso muito disso agora.
O primeiro sinal de que há algo errado comigo é minha dificuldade para dormir.
Falta de concentração pode vir antes.
Não sei porque escrevo minhas lamentações num blog.
Acho que deve ser porque ninguém me interrompe, ou vem aqui para me dizer como eu sou bom em cometer erros.
O que eu acho curioso disso tudo, é que a pessoa mais prejudicada pelos meus atos, é a unica que me entende, a unica pessoa que apesar de eu ter (sem intenção) colocado areia nas engrenagens que movem seus sonhos, me dá a maior força.
Isso me deixa muito triste.
Não sei o rumo que as coisas tomarão de agora em diante, mas uma coisa não mudará, pois foi prometido três vezes.
Me desculpa não ter cuidado de você...
Me desculpa por estragado seus sonhos...
Me desculpa...
Me desculpa por estar decidido a acertar, mas continuar errando...

03.08 - I FEEL IT IN MY SPINE
THE NEED TO STAY AWHILE
JUST TURN MY BACK
DRAW ALL THESE THINGS OUT OF MY HEAD

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Insonia


Sim, ela voltou.
A insônia está de volta.
Por razões que prefiro não comentar, mas ela voltou.
Junto com ela, um monte de ideias, planos, frases, textos e musicas.
Devo muita coisa à insônia.
Minhas maiores isnpirações as vezes se encontram.
Dividem noites em claro enquanto espero por um instante de silencio em minha cabeça para poder descançar.
Enquanto isso eu anoto, gravo, desenho, escrevo, publico e tento sorrir.
Sim, sorrir, pois a última coisa que eu quero é preocupar alguém.
É engraçado como, das milhões de coisas que passam em minha cabeça, a boa ideia que me salva a noite está de folga...
Só pra deixar registrado: noite insone nº3 na semana.

1.56 - A Perfect Circle - 3 Libras..

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Voe comigo..


Se um quadro vale por mil palavras
Então, por que não poderia pintar você?
As palavras jamais mostrarão
O que você veio pra saber.
Se uma pessoa pode lançar mil navios
Então, onde eu estou indo?
Não há ninguém mais em casa, exceto você,
Você é tudo que resta para mim também.
E quando o meu amor pela vida está se apagando
Você vem e se deita sobre mim


Se um homem pudesse estar
Em dois lugares ao mesmo tempo
Eu estaria com você, hoje e amanhã
Ao seu lado de todas as formas.
E se o mundo fosse parar de girar
Girando lentamente até morrer
Eu ficaria no final com você
E quando o mundo acabar
Aí uma por uma, as estrelas apagariam
E nós simplesmente voaríamos para longe.


22.58 - Bread - If

terça-feira, 4 de agosto de 2009

Talvez o amor..


Talvez o amor seja como um lugar de descanso
Um abrigo da tempestade
Ele existe para te dar conforto
Ele está lá para te manter aquecido
E nas horas de turbulência
Quando mais você está sozinho
A lembrança de um amor te levará para casa

Talvez o amor seja como uma janela
Talvez uma porta aberta
Ele te convida a chegar mais perto
Ele quer te mostrar mais
E mesmo que você se perca
E não saiba o que fazer
A lembrança de um amor fará você superar tudo

O amor para alguns é como uma nuvem
Para outros, tão forte quanto o aço
Para alguns um modo de vida
Para outros uma forma de sentir
E alguns dizem que o amor está suportando
E outros dizem "deixa ir"
E alguns dizem que o amor é tudo
Outros dizem que não sabem

Talvez o amor seja como o oceano
Cheio de conflitos, cheio de dor
Como uma lareira quando faz frio lá fora
Como o trovão quando chove
E se eu vivesse para sempre
E todos os meus sonhos fossem realizados
Minha lembrança de amor seria de você


23.32 - story of the year

quinta-feira, 30 de julho de 2009

Tarde Incompleta


Estou sentado em frente a praia.
Observo as ondas que vem e vão
Dançando no ritimo das batidas do meu coração.
Penso em você e sinto a sua falta..
Meus olhos vêem sua imagem em todos os lugares.
Posso ver você no reflexo da lua na agua.
Isso me faz lembrar da distancia entre a lua e as estrelas.
Então penso em você e sinto a sua falta...
Não consigo entender como você pode
Pensar que esta tão longe se está dentro de mim,
Em cada parte viva de minha alma.
Você é a fonte de todo pensamento bom,
Pois tudo o que me faz bem me lembra você.
E é por isso que sinto a sua falta.
Cada minuto mais...

Mas o Sol brilha!!!
9.36 - Remioromen

quinta-feira, 23 de julho de 2009

Chuva


Veja minhas imagens.
Está chovendo agora.
Será que gosto de chuva?
Acho que é pela paz do som das gotas caindo no chão.
Ou talvez o clima que uma chuva produz num fim de tarde.
O certo é que me identifico tanto, que as vezes me atrevo a chover.
E nos diluvios que faço dos meus olhos afogo tudo aquilo que não posso resolver.
Tenho chovido nesses dias.
E o raio de sol não tem brilhado muito por aqui.
Será uma temporada de enchentes.

16.28 - at the drve in

Perdido, triste, confuso, frustrado, preocupado, indeciso, assustado, complicado, sujo, desesperado, burro, fraco, distraido, apaixonado, louco, melancolico, pessimista, sombrio, bobo, cansado, revoltado, nojento, esquecido, sonolento, bizarro, voluvel, chorão, perturbado.

11.57 - Kikoro - Mirai-e..

segunda-feira, 13 de julho de 2009

Estarei por perto!

O sonho quando é maior que o sono, sonha por si só.
O meu sonho sonha só sem ser sozinho
Quem me julga, só me ajuda a ser quem eu não sou
Um passo a frente, algo para tras
Se um dia é pouco para ser, serei todo dia o que sou.
Julgue-me, jogue-me, jure-me.
Ainda assim estarei ao lado
De quem não tem medo de estar do meu lado.
Coração alado bate assas com a mão;
Desenhos pintados com carvão;
Chocolates da rodoviária;
Declarção de amor diaria;
O sorriso perfeito e o kokoro ao pé do ouvido;
-Pra quem ama isso faz todo o sentido.

E como diria o Rei: Sobre amar e ser amado eu sei tudo!
23.30 - Shrek na tv e o violão tentando soar bonito

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Numero 2


Tentar ser claro, com a clareza que me cega
Algo como ser flor sem perfume.
É o mesmo que tentar se bronzear
Com a Luz de um vaga-lume.

Já tentei ser como o vento
Que em silêncio traz o sabor de muito longe
Mas ao contrario só pude ser como o sol de inverno
Que só aquece quando queima

Não quero mais pensar em quanto tempo perdi
Tentando dizer aquilo que me seca a boca.
Ou desenhar aquilo q não pude imaginar
Ao fechar meus olhos ao me deitar.

Seguindo sombras, dançando com o vento
As vezes se torna dificil saber a velocidade que a vida passa
Enquanto decidimos se vale a pena ou não
Se entregar como deveriamos ao saber que é real

Estamos felizes enquanto somos nós
Não mudaremos enquanto pudermos ser apenas nós
Sem pressa de chegar a algum lugar
Só não quero ficar parado
Enquanto tudo passa diante de meus olhos
Escapando por entre meus dedos

Vidros quebrados se tornam os diamantes
De nossos sonhos, sem medo
Poderiamos nós agora ser o sol
Que aquece as frutas caídas no chão?


23.23 - ouvindo "Té" - visite também o blog que colaboro http://itsthesound.blogspot.com/

domingo, 7 de junho de 2009

Desculpa, mas estou perdido...


Queria poder arrumar as coisas instantaneamente.
Queria poder te tirar do meio da tempestade e te dar abrigo.
Queria poder fazer a festa num grande salão, desses de cinema (não no boteco).
Queria ter respostas à todas suas perguntas, e que a cada resposta minha eu recebeceria um sorriso seu.
Queria estar por perto para te proteger de qualquer cisco atrevido que queira invadir seu olho.

Emquanto isso o que eu faço?

Dou todas as minhas lágrimas por um sorriso seu.

Anata ga wagamama (não é mesmo..)
Demo aishiteru!!!

quarta-feira, 27 de maio de 2009

Tentar já é um começo..

Sou uma pessoa que comete erros.
Sou uma pessoa que procura acertar.
Os dias tem sido chuvosos por aqui.
Se tem duvidas, me olhe nos olhos.

Estou buscando ser uma pessoa melhor.
Ainda falho bastante.
Ainda bem que você está me ajudando.

Preciso de você comigo.
Então serei uma pessoa melhor.

3.21 - Remioromen

terça-feira, 26 de maio de 2009

Tempo Após Tempo


Deitado na minha cama,
Ouço o tique-taque do relógio,
E penso em você
Preso em círculos,
As encarnações não são nada de novo
Recordações de noites quentes
Quase esquecidas
Como uma mala de lembranças,
Tempo após tempo

Às vezes você me imagina
Estou andando bem à frente
Você me chama, mas não consigo ouvir
O que você diz
Então você me pede pra ir devagar
Eu começo a diminuir o ritmo
O ponteiro dos segundos vai pra trás

Se você estiver perdida, olhe ao redor e vai me encontrar
Tempo após tempo
Se você cair, eu vou te segurar
Estarei esperando
Tempo após tempo

Depois, minha imagem some,
E a escuridão começa a ficar cinza
Observando pelas janelas
Você quer saber se estou bem
Segredos roubados de lá do fundo
A batida do tambor está fora do ritmo

Você me pede pra ir devagar
Eu diminuo o ritmo
O ponteiro dos segundos vai pra trás

Tempo após tempo

segunda-feira, 4 de maio de 2009

Gripe, dor nas costas e encrencas..


Hoje usarei isso como um diário..
Preciso desabafar com quem não tá nem aí.
Desabafei com minha namorada, mas não deu certo. Ela foi compreensiva e amável.
Hoje eu queria que alguém me provocasse.
Acordei com os olhos em chamas, fui até o Capão Redondo consertar uma maquina e destruir minha coluna.
Não contente com isso, fui a um hospital publico, ser maltratado, mas eles deram tão pouca atenção que nem posso considerar isso maus-tratos.
Cheguei em casa moído, tomei um banho quente, tomei remédio, comi uma lasanha, ganhei massagem da minha mãe, falei com minha namorada pelo telefone.
Essas duas ultimas atitudes estragaram meus planos de ter um mau dia..
Mãe, Dri.. valeu por salvar o dia mais uma vez.

22.29 ouvindo Primus - Frizzle Fry... um cd para me alegrar a noite...
as costas tão me matando mais que a gripe

segunda-feira, 13 de abril de 2009

É assim nas cataratas....


Nagareru kisetsu no mannaka de
Futo hi no nagasa wo kanji masu
Sewashiku sugiru hibi no naka ni
Watashi to anata de yume wo egaku

San gatsu no kaze ni omoi wo nosete
Sakura no tsubomi wa haru he to tsuduki masu

Afuredasu hikari no tsubu ga
Sukoshizutsu asa wo atatame masu
Ookinaa kubi wo shita ato ni
Sukoshi tereteru anata no yoko de

Arata na sekai no iriguchi ni tachi
Kiduita koto wa hitori ja naitte koto

Hitomi wo tojireba anata ga
Mabuta no ura ni iru koto de
Dore hodo tsuyoku nareta deshou
Anata ni totte watashi mo sou de aritai

Suna bokori hakobu tsumuji kaze
Sentaku mono ni karamari masu ga
Hirumae no sora no shiroi tsuki wa
Nan daka kirei de mitore mashita

Umaku wa ikanu koto mo arukeredo
Ten wo aogeba sore sae chiisa kute

Aoi sora wa rinto sunde
Hisu ji kumo wa shizuka ni yureru
Hanasaku wo matsu yorokobi wo
Waka chiaeru no de areba sore wa shiawase

Kono saki mo tonari de sotto hohoen de

21.33 - tomando sopa..ouvindo Mars Volta..Só pra relaxar..

terça-feira, 31 de março de 2009

Tá me ouvindo? Aquela coisa toda lá...


Não consigo escrever hoje.
Depois de passar um fim de semana incrivel usando mais do que palavras para dizer, tentar por os sentimentos num papel fica difícil.
Já te escrevi, e já cantei para você isso:
Se minha boca não é capaz de dizer, meu coração fala com você quando eu te beijo.
Cada dia esse blog fica menos meu e mais para você.
Espero que leia.

0.35 - Portishead - Tird (cd muito do legal..)

domingo, 22 de março de 2009

Sobre a Lua e a Estrela...


Just another song
To say what I fell
About our love
And how I fell.
Don't ask me.
Just believe in me.
Please, don't hurt me
'Cause I don't know how to say it
How i want to kiss your mouth
And close your eyes
As I do on all my dreams.

Só mais uma musica
Para dizer o que eu sinto
Em relação ao nosso amor
E como eu sinto
Não me pergunte.
Apenas confie em mim.
Por favor não me machuque
Pois não sei como dizer isso:
Como eu quero beijar sua boca
E fechar seus olhos
Assim como faço em todos os meus sonhos.


Musica nova...
00.43 - você com estomago zoado, eu ouvindo Mr Bungle e morrendo de azia..

quinta-feira, 12 de março de 2009

Livrai-me do que desejo...


Aprendendo..
Ainda estou aprendendo.
Talvez nunca saiba.
Assim é viver.

Cada novo dia, uma dor alimenta meu desespero.
A falta daquilo que me faz falta.
Do inicio ao fim.
Oh Deus, eu sei.
Sim, eu posso ver Dr Jekyll rindo de mim.

Dançando na fogueira.
Rolando na cama de espinhos.
Doi demais.
Mas não tenho forças pra lutar.
Respiro fundo.
Ofegante, aspiro a fumaça.
Mas meus pés querem dançar.

Fecharei meus olhos para encarar a perfeição
Com que meus sonhos saltaram pela janela.

Preciso de você ainda mais a cada dia.
Mesmo assim preciso evitar.

O dia e a noite e o dia e a noite e..

quinta-feira, 5 de março de 2009

Boa noite, quarta-feira


E a insônia está de volta.

Junto com ela o incômodo de pensar na vida.
Se bem que não posso reclamar da minha. Anda muito bem , obrigado.
O que me incomoda (talvez sempre vá) é a incerteza.
Coisas simples me preocupam.
Algo como emprego, futuro e familia. Ou o emprego que alimentará minha familia no futuro.
Preciso de Toblerones e cafunés. Não nessa ordem.

Comentaram no meu blog. Comentaram também sobre o blog.
Cheguei a achar que tinha alguém lendo. Por dois minutos.
Fiquei feliz ainda assim.
Obrigado de coração a quem dedicou tempo livre para ler sobre a minha vida.

Parando agora de fingir inspiração para poder fazer o que realmente é natural nessa hora: beber algo gelado, deitar e olhar o teto até que amanheça.

02.05 itsari

terça-feira, 3 de março de 2009

-11



Quando seus olhos encontraram os meus
Perdi o medo de ver o tempo passar.
Se a minha boca não é capaz de falar
Meu coração fala com você quando beijo a sua boca.

Espero que o olhar de seus olhos castanhos (talvez verdes)
Possa me trazer de volta meu raio de sol.

A luz de uma vela algumas milhas distante,
Dança agora com as sombras de meu coração.

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

A hora..


A sequencia interminavel de fatos a qual chamamos vida.
Fazer ela valer a pena e viver da melhor forma possivel. Ainda estou aprendendo a fazer tudo direitinho. Estimulos positivos tem provocado boas reações. Me mantenho firme na promessa de melhoria contínua.
Sempre e sempre.
Com cuidado para não se afogar nem afogar ninguem. Com cuidado. Com cuidado.
A promessa veio com um pedido dessa vez. Confia em mim?

23.30 - John Zorn - Six Litanies for Heliogabalus

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Agora tá Valendo...


Digam o que quiserem.
Duvido que consigam tirar o sorriso de meu rosto.
Feliz como não acreditava ser possivel.
Só tenho a agradecer.

segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

No Corredor..



Nem tente entender o porquê.
O tempo agora passa devagar.
As mãos suam.
O coração acelerado denuncia o que está explicito:
a emoção agora tomou conta do corpo pálido, dando, em cada novo suspiro apaixonado, o ruborescer na face.
A pele, suavemente aquecida, agora espera pelo toque.
Todo medo, toda dor, toda tristeza, agora nem fazem sombras no brilho de sol que estava guardado em um olhar.
Palavras não podem descrever o sentimento. Talvez essa seja a razão de tropeçar nas palavras.
Tamanha confusão jamais deveria acontecer.
Não antes de te olhar nos olhos pela primeira vez.

17.46
o Vento - los Hermanos